segunda-feira, 2 de junho de 2008

“Vor lauter bäume, sieht man den Wald nicht mehr”


Idéias! E mais idéias e quando vemos estamos cheios delas: as idéias! Assim é o ser humano em seu “estilo” sapiens de ser, cheio de pensamentos e formas de observar o mundo, múltiplos pontos de vista, suas teorias e criticas, idéias e idéias e idéias e idéias e idéias que perambulam pelo imaginário e dificilmente passam dali. A quem diga “mais homo sapiens do que faber é o homem” porque menos faz do que pensa, mas muitas vezes menos pensa do que faz, e vive dessas contradições como quem não se encontra e se acha na beira da loucura, da demência, do homo demens, divertindo-se com seu próprio modo de ser, rindo e ironizando sua indiferença.


Maior do que minha duvida sobre entrar ou não nessa “coisa de blog” é meu questionamento sobre “afinal, o que vou escrever hoje?” ou então “será que isso adicionará alguma coisa na vida de alguem?” ou vou ser um simples reprodutor de conteúdo, caçador de comentários ou ainda meramente vou usa-lo para alimentar meu próprio ego. Ah, se os questionamentos parassem por ai, mas enfim...

O nome ou título, ou ainda ...“coisa” que você esta lendo era pra ser “Visão de Mundo”, particular mesmo, cheia de “eu acho's” mas uma rápida consulta a outros blogs com a mesma proposta + a não possibilidade de criar um endereço simples como “visaodemundo.blogspot” me fizeram procurar outro nome...


Pensa, escreve, procura as teclas certas no escuro



...Inversão de Mundo, porque? Já não dizem por ai “esse mundo está do avesso”? É nesse sentido, onde o virtual é real e o real...virtual, onde verdade é mentira e mentira é verdade, onde tudo se mistura e confunde e todos saem sem saber nada, é isso que faria alguma diferença: A busca pelo Aufklärung! Ou, a busca por esclarecer as idéias, iluminar os cantos mofados de uma mente condicionada, confinada em seu próprio mundo de idéias.


Disso vem o título do post: ditado alemão que conheci lendo Dimas Kusch em “Maus Pensamentos – Os mistérios do mundo e a reportagem jornalistica”, não posso deixar de mencionar que deixei a mensagem por 2 meses no meu MSN e da mesma forma como todos supostamente entenderam, esse blog esta aqui! Sim, não para o todos, nem para o nenhum, talvez alguns, mas nunca vários...vamos ao autor:


No infinitamente amplo, muitas vezes escuro e assustador mundo da informação de atualidade – em que hoje, com as novas tecnologias da informação e da comunicação, como diz um ditado alemão, de tanta árvore já não se consegue mais ver o bosque, vor lauter Bäume sieht man den Wald nicht mehr –, costurar histórias e nexos em meio ao caos é preciso, é fundamental. Tecer e entretecer. Amarrar. O diagnóstico da crítica contra a “saturação de informação” é em geral conhecido: no limite, a informação em excesso, fragmentada, desinforma, podendo gerar o que Leão Serva chama de “desinformação funcional”. Com as informações que consomem, as pessoas não conseguem compor “uma compreensão do mundo ou dos fatos narrados”.”


Não há a necessidade de se aprofundar nisso agora, deixo para continuar depois...Inversão de Mundo ainda está em construção e talvez nem saia desse estado.


Vamos ver...

2 comentários:

P! disse...

hahahaha dá-lhe maus pensamentos....

boa iniciativa, e apesar de às vezes apenas nos servir de massagem ao ego ou um motivo a mais para surrar o teclado, os blogs sempre fazem a diferença, nem que seja por mero entretenimento...

Abraço doido!!!

by Ronald disse...

.

Pois é...

às vezes 1 min de pensamento se transforma em 300 linhas de um texto. Vai entender a inversão do que parece ser lógico. HAHAHA !

Esse é o JunãoOO !

abraço veio...
www.blogdoronald.site40.net